Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Peregrina neste mundo

Sou peregrina na terra; não escondas de mim os teus mandamentos. Salmos 119:19

Peregrina neste mundo

Sou peregrina na terra; não escondas de mim os teus mandamentos. Salmos 119:19

Eutanásia?!

Ontem, o tema foi debatido na TV ao longo de mais ou menos 2 horas e, o Único que não foi mencionado em todo o debate foi o Dador da vida, Deus, o Criador de cada vida ali presente.

A vida é uma dádiva de Deus. Aqueles que não crêem n'Ele desvalorizam a vida humana e só consideram as pessoas dignas enquanto se encontram na posse de todas as suas faculdades físicas, emocionais e psicológicas.
A dignidade de alguém, não está no que pode ou não fazer; a dignidade está em quem a pessoa é, não é algo que se perde com a doença ou com o sofrimento.

Creio que muitas pessoas que optam pela eutanásia sofrem muito mais de falta de amor do que de dor física.

Quando Deus é ignorado, a vida humana perde o valor. Realmente, para quê viver em sofrimento se a morte acaba com tudo?
Pois é... Nem quero imaginar o terror dessas pessoas quando, após terem decidido terminar com a própria vida (eutanásia ou suicídio assistido) se virem perante uma vida de sofrimento eterno. Perceberão então que a vida nunca lhes pertenceu e que nunca tiveram qualquer controle sobre ela. Entenderão que foram vítimas de si mesmas e do desprezo que votaram a Deus. Então, o terror tomará conta delas, quando se derem conta da incapacidade de tomar uma decisão diferente, quando perceberem que a vida não acabou, só recomeçou e... Não há mais hipóteses de optar pela eutanásia para acabar com o sofrimento eterno.

"Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém." - Romanos 1:25